ZF apoia projeto que une reciclagem e causa animal em Sorocaba

Correio Mecânico
janeiro23/ 2024
  •  Projeto TamPets foi criado em Sorocaba e se concentra na coleta e venda de tampinhas plásticas, criando um fundo exclusivo voltado para animais em situação de vulnerabilidade 
  •  A ZF implementou um ponto de coleta piloto em uma de suas unidades de Sorocaba e a primeira doação foi feita no último mês com 21,5 kg de tampinhas, o equivalente a quase 12 mil tampinhas 
  • Uma das unidades da ZF de Sorocaba (SP) instalou um ponto de coleta piloto do projeto TamPets, uma iniciativa independente criada na cidade que está fazendo a diferença na vida de pets em situação de vulnerabilidade. O projeto, idealizado por Lia Marcos, moradora de Sorocaba, existe desde 2019 e une consciência ambiental e causa animal. 

 

Criado e gerido de forma independente e com o apoio de voluntários, o objetivo é criar uma corrente do bem para mudar a realidade dos animais vulneráveis. A iniciativa se concentra na coleta e venda de tampinhas plásticas criando um fundo exclusivo para financiar a castração de animais sob cuidados de abrigos, protetores independentes ou tutores com recursos limitados, visando evitar o abandono, ninhadas indesejadas e doenças entre os animais.
Foi implementado um ponto de coleta piloto na unidade da ZF de Sorocaba 2 para que todos os colaboradores que queiram contribuir com a causa depositem as tampinhas plásticas previamente separadas e limpas. Este novo hábito, embora simples, tem o poder de mudar a realidade de muitos animais em situação de vulnerabilidade, além de contribuir com o meio ambiente por meio da reciclagem e destinação correta do material coletado.
O primeiro tambor de coleta foi doado pela ZF no último mês com 21,5 kg de tampinhas, o equivalente a quase 12 mil tampinhas. Outros pontos de coleta para colaborar com o Tampets já estão sendo estudados para ampliar para as demais plantas da empresa. O projeto contribui para tornar a região um lugar mais seguro e acolhedor para os animais que precisam de ajuda, além de fazer a diferença na construção de uma comunidade mais consciente e solidária.
“Uma tampinha sozinha não tem preço. Porém, junto com outras, ela tem muito valor. O apoio e a confiança de empresas como a ZF, são imprescindíveis para mantermos o TamPets em movimento.  Cada tampinha depositada no coletor, traz um alento para quem as trouxe e é uma chance de melhor qualidade de vida para um animal. Além disso, a credibilidade em nosso projeto é um valor agregado importantíssimo”, afirma Lia Marcos, idealizadora do Tampets.
Como funciona o TamPets
Os apoiadores do projeto TamPets juntam suas tampinhas e levam até os pontos de coleta parceiros. Os voluntários do projeto buscam as tampinhas e conferem no centro de triagem do projeto. O material é vendido e o dinheiro é revertido diretamente para procedimentos como castrações para os animais.
Podem ser doadas tampas de bebidas como refrigerantes, sucos, leite e água; tampas de produtos de higiene pessoal como creme dental, shampoo, condicionador e desodorante; tampas de produtos de limpeza como água sanitária, álcool, desinfetante, amaciante e outros; tampas de alimentos: ketchup, mostarda, maionese, achocolatado e outros. As tampinhas devem ser limpas e não podem estar misturadas a outros tipos de doação, como por exemplo, o lacre da latinha.
Os resultados desde o início do TamPets reforçam o impacto positivo: dados do próprio projeto mostram que foram castrados 1800 animais, desde 2019. Além disso, até a presente data, foram arrecadadas mais de 66 toneladas de tampinhas, totalizando mais de 36 milhões unidades.  A quantidade total de tampinhas arrecadadas mensalmente é compartilhada nas redes sociais do projeto para acompanhar o progresso e incentivar a participação da comunidade.
Instagram do TamPets: @tampetsorocaba
Site do TamPets: projetotampetsorocaba.com

O teu email não será publicado. Campos requiridos estão marcados *

Podes usar estes HTML tags e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>